Para ser uma boa mãe

Nós viemos de uma geração que acredita que para ser uma boa mãe, você precisa abdicar de tudo na sua vida. Se esse conceito está aí dentro de você ou querendo te dominar, leia esse texto abaixo da escritora - Glennon Doyle








“ Vivemos como se a mãe que mais abdicasse e mais desaparecesse fosse a que mais ama. Fomos condicionadas a provar nosso amor deixando lentamente de existir. Que peso terrível para os filhos. Porque se mostramos a eles que ser uma mártir é a forma mais elevada de amor, é assim que eles irão amar um dia. Quando chamamos amor de martírio, ensinamos aos nossos filhos que quando o começa, a vida termina”



É por isso que falam por aí: “ não existe um fardo maior para uma criança do que a vida não vivida de seus pais”.



Eu já defini a minha maternidade: eu vou mostrar para ela como é VIVER.



#noritmodela#maternidadereal#mom#amor#maternity#maternidade#praia#itamambuca#ubatuba