Nathalia Soares | Todos direitos reservados © 2018 | Desenvolvido por A Entrega.

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle

Se você quer acompanhar de perto todas as novidades, artigos e promoções do Blog, assine nossa Newsletter!

Insira um email válido

Corrida Internacional São Silvestre 2014

05.01.2015

Corrida Internacional de São Silvestre 2014

 

No último, 31 de dezembro de 2014, aconteceu a prova mais esperada pelos corredores, a 90° edição da Corrida Internacional de São Silvestre.

 

A largada foi na altura da Rua Frei Caneca da Avenida Paulista e a chegada em frente ao edifício da Fundação Cásper Líbero.

 

A São Silvestre teve uma das melhores provas dos últimos anos e contou com aproximadamente trinta mil corredores de 42 países.

 

Os atletas de elites brasileiros que participaram da prova, foram o mineiro Giovani dos Santos (terminou em 5° lugar no tempo de 45m22s) e a paranaense Joziane Cardoso (chegou em 8° lugar com o tempo de 53m18s), que foram os vencedores da 16ª Volta Internacional da Pampulha em 7 de dezembro de 2014 e terminaram em excelente colocação.

 

Ainda sendo a minoria na São Silvestre, as mulheres vem ganhando espaço nas corridas de ruas e se destacando cada vez mais. Mesmo com mais experiência, elas querem mostrar que não existe idade para o esporte e também querem surpreender os mais jovens na corrida.

 

E para confirmar a informação acima, segue entrevista realizada com a Sra. Maria Gorelt, que concluiu a prova e ficou muito satisfeita com o resultado final.

 

 

Nome Completo: MARIA GORELT GONÇALVES RODRIGUES

Idade: 56 ANOS
Peso: 52KG.
Altura: 1.66

NRD:  Desde quando começou a correr?

Eu comecei acompanhando meu marido e meus filhos há 4 anos atrás em 2011.

 

NRD: Hoje em dia, como é sua rotina de treino? Corre na esteira ou no parque?

Eu corro sempre na rua, perto da minha casa tem um Parque Anhanguera, e saindo de casa correndo mais uma volta no parque, chego a fazer 8km! Pratico um dia sim e um dia não! Eu sempre converso e pego orientação e dicas com meus filhos, que também são corredores e possuem várias corridas no curriculum.

 

NRD: Algum problema de saúde? Toma remédio?

Sim, eu tenho doença de Ménière*!

*A Doença de Ménière é uma doença crônica caracterizada pelo aumento da pressão da endolinfa, que é o líquido existente no labirinto que fica dentro do ouvido. Geralmente ocorre em apenas um lado.


NRD:  Você pratica outras atividades físicas? Quantas vezes por semana?

Eu já fiz hidroginástica, mas atualmente só pratico corrida.  Na época que fiz a hidroginástica percebi que ganhei resistência nos treinos de corrida.

 
NRD:  Você já teve alguma lesão? Já teve que parar?

Não, nunca graças a Deus !!

 

NRD:  Você tem algum incentivo da família?

Sim, todos!  Meu marido e meus filhos!


NRD:  Como foi correr a São Silvestre? Pensou em desistir em algum momento? Me conte um pouco da sua experiência na São Silvestre. Teve algum preparo especial?

Eu comecei a corrida bem, estava com um pace médio de 05min40seg e cheguei nos 8km igual aos meus treinos diários. Eu estava muito feliz e satisfeita, pois estava mantendo um pace confortável e excelente! Eu comecei a sentir a corrida no km 13, devido calor porque estava muito quente naquele dia. Quando passei próximo a Faculdade de Direto da USP, começou a subida da Avenida Brigadeiro Luiz Antonio e foi bem complicadinho, cheguei a fazer um pace de 8min/km mas em nenhum momento parei, eu olhava várias pessoas parando, mas não queria deixar isso acontecer e fui pensando que estava próximo da chegada.

Meu filho me ajudou muito a não desistir, já que restavam apenas 1,5km – Quando cheguei na Avenida Paulista fiquei completamente emocionada e agradeci a todos, meu marido, meu filho e minha mãezinha que está no céu, que sempre me acompanha! Fiquei muito feliz!

Eu consegui terminar a prova um tempo incrível de 01h32min. Com certeza, farei novamente a São Silvestre! É muito emocionante ver aquela quantidade de pessoas torcendo por você! Fora as figurinhas fantasiadas!

Meu filho disse que quem faz 15km faz 21km, mas ainda não pensei neste próximo desafio!

Com relação ao treinamento para a São Silvestre 2014, eu apenas aumentei um pouco a distância nos treinos de Sábado, chegando a correr até 12km.  Eu fui na USP (Cidade Universitária) e percorri o trecho da Rua do Matão subindo a Biologia, mas a base foi no Parque Anhanguera que é bem técnico e difícil. 

 

NRD:  Qual seu próximo desafio?

Eu quero continuar meus treinos semanais! Sem nenhuma prova em vista.

 

NRD: Complete a frase:  Correr para mim... é saúde, é felicidade, é alegria!”

 

 

Realmente é uma inspiração para muitas mulheres ! Parabéns pelo desempenho e continue correndo pelas ruas e parques da cidade.

 

Autora do texto: Nathalia Soares

 

 

 

 

 

 

 

Please reload